Irã vai criar “internet” exclusiva para o país

O Ministério de Tecnologias da Informação e Comunicações iraniano anunciou, na semana passada, um plano para que seja estabelecida, em cinco meses, uma intranet nacional – uma “Internet limpa”, nas palavras do ministro Reza Taghipour.

Na prática, significa que os milhões de internautas do país estarão permanentemente bloqueados de acessar a WWW, redes sociais e mesmo serviços internacionais de e-mail, segundo relata reportagem do International Business Times.

“Todos os Provedores de Serviços de Internet devem apresentar apenas a internet nacional até agosto”, afirmou Taghipour em pronunciamento. Páginas como Google, Hotmail ou Yahoo serão bloqueadas e substituídas por serviços, de buscadores a e-mails, administrados pelo governo.

O governo iraniano já começou o processo de registro dos interessados em usar o Irã Mail, o que inclui a verificação e gravação do nome completo dos usuários e seus endereços.

Fonte: Convergência Digital/Cnet

Pois é, este é o governo do Irã mostrando que aprendeu com os últimos acontecimentos no oriente médio, a chamada Primavera Árabe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *