Arquivo da tag: USB

HD Externo LG HXD5 500GB

Como havia dito no post anterior, o HD externo de 3.5” não é a forma mais confiável de backup. E lhe digo o motivo: Os HDs externos de 3.5” precisam de uma fonte de energia externa, eles não podem ser alimentados pela USB. Então, no caso de uma queda de energia, o HD poderá ser danificado e inutilizado. Isso já aconteceu comigo ao menos três vezes me fazendo perder três HDs (2 de 80GB, e um de 250GB).

Óbvio que ao falar em backup de documentos importantes não estou me referindo a documentos corporativos. Para estes, temos soluções mais robustas como RAID, Backup em fita, etc. Estou falando de documentos pessoais, e soluções como RAID são muito mais caras do que armazenamento em Pen Drives, SD Cards, HDs externos, DVDs, backup online e etc. Para este tipo de documentos eu recomendo a utilização de HDs Externos de 2.5” alimentados exclusivamente através da USB. Pois, se você utilizar um notebook, mesmo com uma queda de energia os HDs não serão desligados abruptamente e assim não serão danificados.

A algum tempo atrás, antes de comprar meu conversor de IDE para USB da COMTAC eu utilizava uma gaveta externa que ficava aberta sobre minha estação de trabalho. Em um determinado dia consegui encostar o circuito da gaveta (que estava exposto por estar aberta) em uma unidade de DVD ROM causando um curto circuito e perdendo o HD e os dados que estavam nele: código fonte de sistemas, documentos, modelos de documentos, snippets, filmes e muito mais.

Esta semana comprei algumas Video Aulas que me custaram um investimento de aproximadamente 1.700 reais e não quero correr o risco de perdê-las. Devido ao histórico de problemas em DVDs e perdas de HDs por motivos diversos, achei que a melhor solução seria comprar HDs Externos. Por isso, comprei dois. Assim, posso manter meu backup de forma redundante e em dois locais diferentes.

Após analisar diversos modelos optei pelo LG HXD5 500GB que na internet estava por um preço de R$ 180,00. No shopping terminei comprando pelo valor de R$ 229,00. Preferi pagar um pouco mais caro, pois HDs são sensíveis e os Correios não tem a fama de cuidar muito bem de suas encomendas (arremessando-as – veja aqui). Agora imagine as consequências disso em um HD.

O 2 HDs Externo são essas duas caixas azuis:

Sua instalação é muito simples, basta conectá-lo a porta USB e pronto. O Windows instalará o driver correto e você será informado de que um novo hardware foi instalado com sucesso. O HD Externo aparecerá como um novo HD:

A velocidade do HD é bem próxima a de um Pen Drive. Não é tão rápido quanto eu esperava, mas nada que atrapalhe. O Dispositivo parece ser sólido, mas não sei se sofreria algum dano ao cair no chão.

Até o momento estou gostando, e espero poder continuar confiando durante muito tempo.

Natural de Salvador-BA, é graduado em Analise de Sistemas pela Universidade Católica do Salvador (UCSal, 2003), e Especialista em Engenharia de Software pela Universidade Salvador (2010).

Converter HD IDE em HD Externo

Tenho certa dificuldade em confiar em DVDs para realizar backup de dados importantes: você grava as informações e em um determinado dia, quando precisa, o DVD não consegue ser lido pela sua unidade leitora de DVD. Já perdi muitos documentos importantes deste jeito; é por esse motivo que ainda prefiro utilizar HDs para armazenar estas informações.

Tenho alguns HDs que são sobras dos meus computadores antigos canibalizados no momento da chegada de um novo Desktop. O problema é que, com o barateamento dos notebooks, todos as pessoas estão trocando seus antigos desktops por notebooks. Estes não são compatíveis com os antigos HDs 3.5′

Notebooks utilizam HDs de 2.5” padrão SATA/SATA2, enquanto os desktops utilizavam HDs de 3.5” padrão IDE/SATA/SATA2. Então, como fazer para continuar utilizando estes antigos HDs?

A solução são os conversores IDE/SATA/SATA2 para USB: Você plugar seu HD velho nele, e ele pluga-se a porta USB do seu novo computador. O HD é reconhecido como uma unidade de armazenamento em massa e você pode utilizá-lo para fazer backup. A Vantagem para esse aparelho em relação às antigas gavetas externas é que elas têm a capacidade de utilizar todos os padrões de HD, enquanto que, as gavetas externas que ainda são vendidas, são na maioria das vezes compatíveis apenas com o padrão IDE.

Pensando nisso, fui a uma loja comprar um conversor destes e terminei adquirindo o produto abaixo (R-Driver III – USB 2.0 to SATA/IDE Cable):

Comprei-o em uma loja de informática (R$ 69,00) e me arrependi, é uma cilada: os componentes são de péssima qualidade; o conector de energia é frágil e não se adapta perfeitamente com o conector do HD. E por fim o item que comprei veio com o cabo de energia com problema.

Então fui à mesma loja e troquei este pelo produto equivalente da marca COMTAC.

A qualidade do conversor da COMTAC não tem comparação com o anterior: todos os fios são emborrachados, conectores que se encaixam perfeitamente; e ainda tem um botão “OTB”, este serve para que você após definir uma pasta no computador e outra no HD, possa realizar o backup automático apenas com o seu pressionamento.

Paguei o preço de R$ 79,00, achei caro, mas é o preço que se paga em comprar em lojas de informática de shopping centers: Preço caro, mas produto na mão!

Esta não é a solução ideal para realizar backup, mas o motivo eu explico em um próximo post.

Segue abaixo informações do Conversor USB x IDE/Mini-IDE/SATA (Modelo: USBIDESATA – 9084) encontrado no site da COMTAC:

O conversor USB 2.0 x IDE / Mini-IDE / SATA (mod. CONV9084) permite fácil conectividade com seu PC através da porta USB com fonte e cabos de conexão inclusos. Possui tomadas de energia adaptadas para os padrões IDE/ Mini IDE e SATA. Não há necessidade de se abrir o computador na hora de formatar sua máquina! Possibilitando assim, a utilização do HDD IDE, HDD SATA e DVD/CD externamente.

Especificação Técnica:

  • Suporta SATA I (1,5 Gbps) e SATA II (3,0 Gbps)
  • Velocidade na transferência de dados: 480 Mbps (Observação: A transferência não atinge essa velocidade, no máximo consegui transferir a 12MB/segundo).
  • Suporte para HDDs IDE
  • Suporte para HDDs Mini IDE (Notebook)
  • Interface USB 2.0
  • Suporte para dispositivos ATA/ATApi como CD/DVD-ROM
  • Suporte para Boot
  • Compatível com Windows 98 SE/ ME/ 2000/ XP/ Vista 32/64 bits/ Seven (7)/ Linux/ MAC OS
  • 1 CD aplicativo para uso em  BACK-UP
  • Plug & Play

FAQ

Posso conectar gravadores de CD/DVD ao conversor para efetuar boot em meu computador? Sim. Para que possa funcionar com boot, o computador tem que ter essa opção pela porta USB.

O conversor reconhece meu HD, porem não libera o acesso, como posso solucionar? Se a unidade de disco não for liberada, siga o procedimento abaixo: No Windows, vá em “Meu Computador” e com o botão direito do mouse clique em Gerenciar. Selecione a opção de Gerenciamento de Disco. Localize o disco que está sendo usado através do adaptador. O mesmo deve estar nesta janela. Ao clicar nele, haverá a opção para excluir a partição e criar uma nova formando o disco. OBS: O HD será formatado; e se ele contiver arquivos, os mesmos serão apagados. Por isso salve antes de efetuar este processo.

Para utilizar HDs IDE 2.5″ precisa-se conectar a uma fonte? Não, para se utilizar HDs de 2.5″ não é necessário conectar a uma fonte externa, basta conectar o adaptador e o cabo USB.

Para quer serve o botão OTB no centro do adaptador? Para definir um Backup rápido. Exemplo: ao fazer a instalação do aplicativo do CD chamado OTB e executar, define-se o local que se quer copiar sempre pressionando o botão OTB. Se definir e salvar, sempre que pressionar o botão será copiado para o outro HD, sem que precise novamente selecionar, copiar e colar.

Posso conectar 2 HDs ao mesmo tempo no conversor? Não, ele só funciona com um tipo de conexão por vez.

Natural de Salvador-BA, é graduado em Analise de Sistemas pela Universidade Católica do Salvador (UCSal, 2003), e Especialista em Engenharia de Software pela Universidade Salvador (2010).